Missões no Peru

Um Projeto Banhado em Lágrimas

O nosso projeto de missões no Peru começou ano de 1986. Durante um longo período de lutas e dificuldades espirituais no país, o pastor peruano Carlos Fernández orava e pedia para Deus uma intervenção, e foi nesse período que ele teve visões sobre a cidade de Camboriú. Algum tempo depois chegou a sua casa um missionário falando sobre o trabalho dos Gideões Missionários. Ao sabermos de suas dificuldades, começamos a apoiá-lo, enviando e mantendo mais missionários no país.

Há muitas obstáculos no trabalho de evangelização no Peru. O povo peruano é resistente ao evangelho, tem enraizado em seus costumes e tradições a feitiçaria e a idolatria. Estão mergulhados no misticismo e costumes satânicos. O idioma é o espanhol, mas o dialeto quéchua e bastante utilizado, existindo ainda outros 92 dialetos menos popularizados. Há escassez em alimentos, e habitantes que vivem em lugares isolados vivenciam precariedade na saúde e outras áreas básicas.

Em regiões mais remotas deste sofrido país, como na Amazônia peruana, pais enterram seus filhos vivos para agradarem seus falsos deuses. Lá está uma população isolada, vivendo em pobreza extrema, e que em sua maioria ainda não ouviu a mensagem do evangelho. Mas aos poucos esse povo está sendo alcançado pelos missionários, que sem medir esforços estão fazendo sua missão de evangelizar e realizar uma mudança de vida, ganhando almas para o Senhor Jesus Cristo.

33.208.710 de habitantes

  • Católicos (81.3%)
  • Protestantes (12.5%)
  • Outras religiões (3.3%)
  • Sem religião (2.9%)

Contribuir

Peru

O Peru é um país sul-americano. Sua populção é de origem multiétnica com um alto grau de mestiçagem, incluindo ameríndios, europeus, africanos e asiáticos. O país é considerado uma nação em desenvolvimento com um nível de pobreza de 34%. (Wikipédia)

Fotos do campo missionário